Espuma injetada ou laminada? Veja qual a diferença

Espuma injetada ou laminada? Veja qual a diferença

A espuma é um item importante na composição das cadeiras e entender a diferença entre os dois tipos de espumas é entender a densidade, compreendo, assim, a dureza e durabilidade do tecido.

Utilizada em sua maioria em estofados, a Espuma Laminada é retirada de um bloco de espuma já confeccionado.

Seu nome vem do modo de extração dessa espuma do bloco, uma vez que são feitas fatias, ou lâminas, de espuma, para compor o material desejado.

Desse modo, as espumas são cortadas conforme a necessidade de espessura desejada. É uma espuma versátil, por isso costuma ser utilizada em estofados, sofás ou mesmo em colchões.

Como o nome sugere, a Espuma Injetável é feita através da injeção da espuma em um molde já pronto. Isso a torna mais maleável e prática, para a aplicação.

Sua maior característica é essa praticidade, tornando a espuma injetada um produto que já se modela na forma desejada, sem a necessidade de cortes ou acabamentos.

Além disso, a espuma injetada alcança níveis maiores de densidade do que a espuma laminada.

Apesar do tipo de espuma não fazer referência à qualidade do produto, entender a densidade, bem como características de cada espuma, facilita entender os meios corretos de aplicação de cada uma delas.

No entanto, é sempre bom entender que espumas de baixa qualidade podem desenvolver maiores problemas ao longo do uso do produto, seja cedendo ao uso, diminuindo em espessura ou mesmo causando desconforto no uso.

Tais eventos não se referente ao uso de Espuma Injetada ou Espuma Laminada e sim à qualidade de cada uma delas no produto.

Por isso, é sempre importante buscar empresas que se preocupam com a qualidade de seus materiais de confecção, pensando na vida útil do produto.

Para conhecer nossos produtos, agora que entende um pouco mais sobre nossas espumas, acesse o catálogo de cadeiras.

 

Siga a Elements no Instagram:

@elementsspaces

Voltar para o blog

Deixe um comentário

Os comentários precisam ser aprovados antes da publicação.